Johnson assume participação na Petty GMS e planeja retorno em meio período à NASCAR

Jimmie Johnson não está apenas retornando ao circuito da NASCAR no próximo ano, mas também como proprietário da Cup Series.

Petty GMS anunciou sexta-feira de manhã no Phoenix Raceway que chegou a um acordo de propriedade com o sete vezes campeão. Como parte do acordo, Johnson voltará a dirigir em vários eventos. A primeira corrida de Johnson será a Daytona 500 em 19 de fevereiro, com as outras a serem anunciadas posteriormente. Johnson venceu o Daytona 500 em 2006, uma de suas 83 vitórias na carreira.

“Eu não poderia estar mais feliz por ter Jimmie Johnson se juntando à Petty GMS”, disse Maury Gallagher. Ninguém na era moderna da NASCAR ganhou mais do que Jimmie. Ter um motorista do calibre de Jimmie, dirigir nosso equipamento e poder fornecer feedback aos nossos chefes de equipe e engenheiros, mas o mais importante é a orientação de Erik (Jones) e Noah (Gragson) será inestimável.

“Talvez o mais importante de tudo, Jimmie seja um grande parceiro. Sei que falo em nome de todos da equipe Petty GMS, incluindo Richard Petty, ao dar as boas-vindas a Jimmie à equipe. Ninguém mais poderá dizer que ele tem dois sete vezes campeão da Copa em seu elenco.Estamos procurando fazer uma forte declaração no próximo ano e mostrar que estamos aqui para lutar por vitórias e campeonatos. Mal podemos esperar para ver o que podemos realizar juntos.

Johnson não disputa uma corrida da Cup Series desde 2020, quando encerrou sua carreira em tempo integral na NASCAR com a Hendrick Motorsports. Depois de entregar o Chevrolet nº 48, Johnson passou as duas últimas temporadas competindo na NTT IndyCar Series, bem como nos eventos de resistência IMSA.

“É ótimo estar de volta à NASCAR”, disse Johnson. “Quando a temporada da IndyCar terminou, eu comecei essa jornada do que estava por vir. Maury e eu nos conectamos, essa oportunidade se apresentou e é o ajuste perfeito para mim. A propriedade da equipe faz muito sentido neste momento da minha carreira , e depois de passar um tempo com Maury e sua família, conversando com Mike (Beam), Dave (Elenz, chefe de equipe nº 43) e Joey (Cohen, Diretor de Competição e Engenharia), percebi que isso era algo que eu queria ser envolvidos tanto do ponto de vista do negócio como do lado da concorrência.

“Se vou me comprometer com algo assim, quero fazer a diferença e ter algo tangível para mostrar quando tudo estiver dito e feito. Portanto, esta oportunidade com a Petty GMS é tudo isso e muito mais.

Petty GMS colocará um terceiro carro para Johnson ao lado de Erik Jones no Chevrolet #43 e Noah Gragson no Chevrolet #42. O número do carro de Johnson, parcerias e esquemas de pintura serão anunciados posteriormente.

“Sou abençoado por ter tido mentores incríveis ao longo da minha vida e sempre tentei retribuir”, disse Johnson. “A minha experiência e energia vão acrescentar valor a uma equipa de jovens pilotos como o Erik e o Noah. Sinto que posso ser um bom recurso dentro e fora da pista.”

A temporada de 2023 será o segundo ano completo da Petty GMS, fundada em 2021 quando Gallagher comprou uma participação majoritária na Richard Petty Motorsports.

“Que momento emocionante para Petty GMS”, disse Petty. “Este ano conseguimos muito com Maury, e a adição de Jimmie só vai nos ajudar a crescer. Ter Jimmie – outro sete vezes campeão – no elenco, e sua habilidade dentro e fora da pista será especial para Petty GMS e mal posso esperar para tê-lo em nossa equipe e ver o que podemos construir juntos.